top of page

Diocese de Caruaru reúne milhares de fiéis na 2ª Caminhada do Perdão e anuncia edição 2025





No 3º Domingo da Quaresma, a Diocese de Caruaru reuniu uma multidão de fiéis para a Caminhada do Perdão. Foi a segunda edição do evento, que convida a todos para momentos de oração, confissões e celebração da fé.


Aproximadamente 30 padres confessaram os fiéis no Convento dos Frades Capuchinhos, no Bairro Divinópolis. Na Igreja do Convento (Paróquia Coração Eucarístico), grupos, movimentos e pastorais também proporcionaram momentos de oração e Adoração ao Santíssimo Sacramento.





Às 17h, os fiéis seguiram em caminhada pelas ruas da cidade. Com cânticos, reza do terço e devoção, o Povo de Deus subiu o Monte Bom Jesus. À frente da procissão, o Bispo Diocesano de Caruaru, Dom José Ruy Lopes e o clero, caminhavam e rezavam por toda a Igreja. “É o segundo ano em que a gente faz a Caminhada do Perdão durante o tempo da Quaresma. Com uma tarde bonita, embora chuvosa, de atendimento às confissões, mas também de muita reconciliação, de muita graça, de muito perdão. Isso deixa o coração de qualquer sacerdote muito feliz, de poder dar a graça do perdão a tantas pessoas! E, depois, a caminhada, com alegria, com fé e com espírito de penitência, a gente subiu o Monte Bom Jesus pra celebrar e agradecer o perdão de Deus”, partilha Dom José Ruy.


Uma missa campal foi realizada no local, presidida pelo bispo. Em sua homilia, ele falou sobre correção fraterna, perdão e Campanha da Fraternidade.


A Caminhada do Perdão foi mais um grande evento da Diocese, organizado pelo Coordenador Diocesano de Pastoral, Pe. José Adjaclécio, que anunciou a data e as novidades da próxima edição. “Hoje nós tivemos a grata alegria de anunciar mais um novo formato para o ano que vem. Nós nos encontraremos no dia 23 de março aqui no Monte Bom Jesus e, aqui do Monte, teremos um momento de celebração penitencial e o atendimento das confissões. Em seguida, sairemos em caminhada até a Paróquia de Nossa Senhora das Graças, na Nova Caruaru. Essa é uma experiência de um povo que procura Deus e experimenta sua graça, por isso, os nossos olhos não apenas contemplam uma multidão, mas contempla um povo de Deus que caminha com fé”, conta o padre.


O evento também contou com um gesto concreto: os fiéis doaram alimentos não perecíveis, que serão destinados a famílias que estão em vulnerabilidade social.




138 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page